URT reclama de arbitragem após derrota para o Villa Nova em Nova Lina

O Trovão Azull saiu do Estádio Castor Cifuentes revoltado com a arbitragem após a derrota por 3 a 2 para o Villa Nova, no jogo disputado em Nova Lima, pela 6ª rodada do Campeonato Mineiro. A URT reclama especialmente de dois lances: um gol impedido, um pênalti duvidoso marcado, além dos cartões amarelos para Jô e Felipe Alves, que desfalcam o time na próxima rodada.

A principal reclamação do treinador da URT Rodrigo Santana foi o impedimento não marcado, no segundo gol do Leão do Bonfim. “Tomamos um gol muito rápido em um pênalti que parece que não aconteceu, mas o segundo gol foi com erro da arbitragem. Foi muito impedimento e mexeu no placar quando estava 1 a 1 e por isso não acho que o resultado foi justo. Depois disso, tivemos que correr atrás”, reclamou o treinador.

“Depois de cada jogo, a gente corrige erros. Quando existe um gol regular, é porque houve uma falha ou mérito do adversário”, completou, sem esquecer a irregularidade no segundo gol.

“Somos cobrados por planejamento, contratação, resultados e estamos expostos ao erro de um árbitro que muda a partida. Precisamos de árbitros profissionais, como nós somos dirigentes profissionais”, completou. Já na zona mista, Rodrigo Santana foi taxativo na sua reclamação: “Sabíamos que na dúvida o árbitro apitaria a favor do time da casa”.

Ficha Técnica

Villa Nova: Renan; Marcelo Tchê, Gustavo Japa, Rafael Vítor e Maninho; Elias Ceará, Marzagão, Carrara (Otávio), Paulo Vitor (Felipinho) e Leozinho; Pinguim (Dudu).Técnico: Ito Roque

URT: Carlão; Carlinhos, Rodolfo, Victor Salinas e Thiago Pereira (Douglas Maia); Jô, Bruninho, Eduardo Ramos e Ewerton Maradona (Jean Carioca); Felipe Alves (Ian Augusto) e Macena.Técnico: Rodrigo Santana

Gols: Rafael Vitor, Dudu e Felipinho (Villa Nova); Macena e Eduardo Ramos (URT).

Cartões amarelos: Renan e Maninho (Villa Nova); Felipe Alves e Jô (URT).

Cartões vermelhos: Marzagão e Leozinho (Villa Nova)

Apitou o jogo: Ricardo Marques Ribeiro auxiliado por Márcio Eustáquio Santiago e Fernanda Nândrea Gomes Antunes.

No próximo sábado, às 16h30, o Villa Nova pega o líder Cruzeiro, no Mineirão. Já a URT – que encerrou a sexta rodada em quinto, com oito pontos – receberá o Tupi no estádio Zama Maciel, domingo, às 16h.

 

Publicado em:10/02/2018
Autor:Wantuir Silva

Compartilhe:

     


Comentar: