Apresentado no Cruzeiro, Ezequiel se vê como ‘válvula de escape’ e garante: ‘Vou para cima’

Ezequiel mostrou confiança em sua primeira entrevista coletiva como atacante do Cruzeiro. Apresentado nesta sexta-feira, o ex-jogador do Sport, com direitos econômicos ligados ao Botafogo, afirmou que pode ser a ‘válvula de escape’ do time celeste. Ele garantiu que não ficará amedrontado durante os jogos da Raposa e projetou um encaixe perfeito com o restante da equipe. 

A (minha) característica que todo time quer, é o jogador que desequilibra, é a válvula de escape. Se o jogo está muito fechado, em uma arrancada pode criar situações, pênalti, eu acho que sou esse jogador e vou encaixar muito bem nesse time”, comentou o atacante, antes de exaltar a história de seu novo clube e garantir ânimo para a sequência do ano. 
“Desde que me entendo por gente e assisto futebol, o Cruzeiro sempre foi multicampeão. Entendo o peso da camisa, sei da responsabilidade, mas também não vou me amedrontar. Se me foi dada a oportunidade de vestir essa camisa, vou me agarrar com isso e eu vou para cima”, complementou. 

Embora tenha sido apresentado apenas nesta sexta-feira, Ezequiel já treinou com os novos companheiros. Ele participou dos trabalhos orientados por Rogério Ceni na Toca da Raposa II na última segunda-feira, antes de o Cruzeiro embarcar para Porto Alegre para o duelo de volta da semifinal da Copa do Brasil, vencido pelo Internacional por 3 a 0, no Beira-Rio. 

Ezequiel pertence ao Botafogo e estava cedido ao Sport para a disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. O Cruzeiro não confirma, mas desembolsou um valor pelo empréstimo do jogador até o fim desta temporada, com opção de compra. Inscrito no Boletim Informativo Diário da CBF na quinta-feira, o novo camisa 17 cruzeirense está à disposição para enfrentar o Grêmio no domingo, às 11h, no Independência, pela 18ª rodada do Brasileiro.
Diretor de futebol do Cruzeiro, Marcelo Djian não respondeu aos questionamentos dos jornalistas, mas, durante o pronunciamento, afirmou que o clube monitorava Ezequiel desde o início da temporada.

“O Ezequiel vinha sendo monitorado desde o início do ano e com a chegada do Rogério Ceni, é um jogador que também era monitorado por ele, foi um pedido dele. É um velocista, tem a característica que o Rogério gosta e que estávamos com deficiência pelo número de jogos”, afirmou Djian. 
Antes de Ezequiel, a Raposa tentou a contratação de Guilherme, também do Sport, mas com os direitos econômicos ligados ao Grêmio. O Tricolor Gaúcho tentou envolver jovens revelações da Raposa na negociação e as tratativas acabaram travadas. No elenco celeste, Ezequiel terá de lidar com forte concorrência. Embora Rogério Ceni tenha pedido a contratação de um velocista, o elenco já conta com David, Pedro Rocha e Marquinhos Gabriel. Fonte: superesportes


Compatilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *